Skip to content

Cenas de outono

June 26, 2013
O mundo fez uma curva mais ampla naquele dia.
O sol se pôs no mesmo horário, depois de uma leve chuva.
Antes das gotas, o lanche na padoca da esquina, perto da praça de todos os dias.
Fomos.
Andando, mãos dadas, aquela pessoa na altura do meu cotovelo me perguntando sobre o mundo, a chuva, os helicópteros.
Foi quando nos deparamos com as flores roxas.
Ali, breves, caídas no chão.
Percebemos o outono e ela soltou: tira uma foto, mamãe, passarinhos e flores, combina muito.
Olhei em volta tentando achar os passarinhos.
Apesar da praça, das árvores, não havia nenhum por perto.
Mamãe, são estes aqui, disse ela, lendo pensamentos. Os passarinhos da minha saia e as flores do chão.
Fiz a foto. Apertei essa pessoa um pouco.
E continuamos a caminhada. Ela feliz pela foto bonita. E eu pela poesia.
outono
cotidiano011: Denise Niz é jornalista, mãe de dois pequenos, dirige a Polar Studio e gosta muito de palavras.
One Comment leave one →
  1. ipadfamilia permalink
    June 26, 2013 4:54 pm

    A gente também já tirou foto das flores dessa praça – mas não com tanta poesia. Parabéns pela estréia linda, Denise!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: